terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Ainda falando em Clássicos

Ainda falando em clássicos, estava ouvindo umas músicas aqui do conhecido 'rock clássico', que pra mim, não existe "pop" que derrube! Hey Jude, de Paul McCartney, Hotel California de Eagles, Dust in the wind, na versão de Kansas, junto à Drive de Socrpions, Satisfaction de Rolling Stones, que por sinal é uma música demais (I can't get now satisfaction - Eu não consigo me satisfazer), e outras tantas de Led Zeppelin, Asia, a consagrada We are the champions de Queen e a idolatrada de um amigo meu, Radiohead, que me cansa às vezes de tanto que ele ouve, mas tudo bem. Agora tem gente que vem ouvir Restart, Junstin Biber, amar de pé junto o Fiuk que nem cantar direito sabe (e ele não é lindo, como muitas dizem por aí), entre outros seres abomináveis que nem sabem o que é a verdadeira canção, mas temos que respeitar a cultura de cada um, não é mesmo? Não! Não mesmo, não aguento estas bandas e cantores ridículos desse "new pop". Pois bem, eu fico logo "virado na peste" (uma expressão interiorana muito engraçada quando falada no sotaque sertanejo) quando alguém diz que essas bandas são mais inteligentes e agradam mais os nossos ouvidos. Ai meu saco! Deixa eles ouvirem And i love her, que eles saberão por que Beatles consagrou-se clássico e muita gente não evita, como uma amiga que tenho que jura que eles (Beatles) são propriedade dela. Ai meu Deus, cada doido com sua mania. Então, já que comecei falando de Hey Jude, e mudei várias vezes de assunto, como sempre faço, confiram aí o vídeo da canção!

video

Nenhum comentário: